Obrigado pela visita

Para sair e finalizar a sessão, clique em "OK"


Change font size

Ajudando Seu Cão a Lidar com Trovões e Fogos de Artifício

CUIDADOS COM OS FILHOTES DE CÃES

Ajudando Seu Cão a Lidar com Trovões e Fogos de Artifício

A fobia de ruídos altos, especialmente trovões e fogos de artifício, é comum entre os cães. Eles geralmente demonstram medo escondendo-se, chorando, latindo, batendo com as patas no chão e até mesmo urinando. Ajudar o seu cão a lidar com ruídos altos é importante porque a ansiedade associada à fobia normalmente aumenta com o passar dos anos. Um cão que tenha medo de trovoadas pode começar a apresentar sinais de ansiedade antes mesmo de começarem os trovões. O barulho da chuva no telhado da casa, flashes de luz e até a queda de pressão atmosférica antes da tempestade podem ser suficientes para desencadear a ansiedade. É importante não punir seu cão por ele estar ansioso, mas é igualmente importante não afagá-lo demais nessas ocasiões.

  • Punir seu cão irá apenas aumentar o medo e a ansiedade porque ele vai associar o trovão ao medo e à punição.
  • Afagá-lo ou confortá-lo demasiadamente não é uma boa ideia porque isto o ensinará que o comportamento ansioso é adequado.

Ao invés disto, providencie um local seguro para seu cão se refugiar. Os lugares mais comuns em que os cães costumam se refugiar são suas caixas de transporte, ou debaixo de camas e poltronas. O motivo de eles escolherem esses lugares é que ali se sentem protegidos e o barulho de trovões e fogos é abafado. Caso seu cão ainda não tenha escolhido um lugar, providencie um. Experimente deixar alguns petiscos em um local seguro para estimulá-lo a ir para lá.

Tente diminuir sua sensibilidade para ruídos altos de forma que os barulhos se transformem em algo normal pra ele. Geralmente, isto pode ser feito através da reprodução, em um volume baixo, de um áudio com trovões por intervalos curtos de tempo, enquanto você monitora o comportamento de seu cão. Tente distraí-lo durante a reprodução do ruído, brincando de atirar objetos para que ele busque ou envolvendo-o em alguma outra atividade agradável. Se o seu cão estiver apavorado demais para participar, você deverá diminuir a intensidade do estímulo sonoro e tentar novamente mais tarde. Este processo é longo e requer paciência, mas no final seu cão se sentirá muito mais à vontade durante uma tempestade.

Para obter mais ajuda sobre o tratamento da ansiedade canina, consulte seu veterinário.