Ensinando Seu Filhote: Noções Básicas de Adestramento de Obediência

Published by
minuto ler

Obedience trainingPara um adestramento bem-sucedido, pratique os seguintes passos básicos com o seu cãozinho todos os dias. Mantenha as sessões de adestramento breves. Seu filhote verá tudo como um jogo, então mantenha-o estimulado mudando o que ele está aprendendo. Faça cada comando por cerca de cinco minutos e volte sempre que puder.

Pratique os comandos em muitos lugares diferentes - na sala de estar, no jardim, no corredor ou na cozinha, até em passeios - para que ele se acostume a responder a você em todos os tipos de situações. Você pode usar a técnica de cliques para ajudar com outros aspectos do adestramento do seu filhote, como encorajá-lo a ficar parado e a acostumar-se a viajar de carro.

Seu filhote aprenderá muito rapidamente e responderá ao amor e afeição assim como às recompensas. O adestramento de obediência ajudará a construir um vínculo duradouro entre vocês dois e você será recompensado com um cão feliz e bem adestrado.

Modos à mesa

Ceder a cada necessidade do seu filhote não é uma coisa boa. À medida que seu filhote cresce, também aumentará sua necessidade de se afirmar. Os filhotes geralmente escolhem as refeições como um campo de batalha. Mas ceder a ele é um erro. Você precisa ter certeza de que ele sabe que você não vai responder a todas as suas demandas.

Seu filhote precisa aprender que as pessoas ao seu redor, especialmente crianças pequenas, podem ser um pouco imprevisíveis. Mas ele precisa aceitar que o comportamento imprevisível delas não é ameaçador. Você pode ajudá-lo a fazer isso imitando o comportamento de uma criança. Tente pisar rapidamente em direção a sua tigela - em seguida, jogue um petisco. Esbarre nele gentilmente, enquanto ele está comendo, ou role brinquedos por perto - qualquer coisa para causar uma distração, mas deixe cair um petisco na tigela para recompensá-lo por continuar a comer com calma. Faça isso de vez em quando, mas não em todas as refeições. Se o seu filhote congelar com a boca meio cheia, rosnar ou olhar para você, pare e tente de novo em outra ocasião. Se isso continuar, é melhor procurar orientação de um especialista em comportamento veterinário ou um adestrador de cães certificado..

Lendo a linguagem corporal do seu filhote

Os cães sempre se comunicaram usando a linguagem corporal. Isso envolve expressões faciais, posturas corporais, ruídos e cheiros. Os cães usarão sua boca, olhos, orelhas e cauda para expressar emoções. Ao aprender a interpretar a linguagem corporal do seu filhote, você conseguirá interpretar as intenções dele.

Sinais de agressão ou submissão

Se o seu filhote estiver se sentindo corajoso ou agressivo, ele tentará parecer maior ficando de pé, com as orelhas e a cauda na vertical. Ele também vai expandir o peito e levantar o pelo no pescoço e nas costas. Ele também pode rosnar e agitar a cauda lentamente.

Por outro lado, um cão submisso tentará parecer pequeno e agir como um cachorrinho. Isso ocorre porque um cão adulto vai “repreender” um filhote, mas não o atacará. A submissão assumirá a forma de um agachamento lateral próximo ao chão, com a cauda para baixo, mas se abanando. Ele também pode tentar lamber o rosto do cão dominante ou humano. Ele pode até rolar de costas.

A cauda do seu filhote

A maioria de nós reconhece que o abanar da cauda é um sinal de simpatia e prazer, mas a cauda pode indicar outros humores também.

A maneira normal como um cão deixa a cauda varia de raça para raça, mas, de um modo geral, uma cauda inclinada com ângulo maior que 45 graus sobre as costas expressa alerta e interesse.

Se a cauda do seu filhote é balançada lenta e rigidamente, isso é uma expressão de raiva. Se estiver entre as patas traseiras, significa que seu animal está com medo. Um cão ansioso ou nervoso pode abaixar a cauda, mas abaná-la rigidamente.

Os olhos do seu filhote

Se os olhos do seu cão estão meio fechados, isso é um sinal de prazer ou submissão, enquanto olhos bem abertos podem indicar agressão.

Na selva, os cães olham um para o outro até que um deles recue ou faça um desafio, então você nunca deve tentar encarar seu filhote, especialmente se ele estiver nervoso.

O sorriso do seu filhote

Cães submissos e algumas raças, como os Labradores, geralmente abrem a boca em uma espécie de “sorriso forçado” e, de fato, é um sinal de amizade. Mas quando os lábios estão puxados para trás para mostrar os dentes, isso é agressão, não se engane.

Querer brincar

Se o seu filhote quiser brincar, ele levantará uma pata ou se curvará e latirá para chamar a atenção. Ou ele pode oferecer um brinquedo, ou se juntar a outro cachorro para fazê-lo participar de uma perseguição.

Como seu cão vê você

Seu filhote o observará para ler seus sinais corporais mais do que ele te escutará e ele aprenderá rapidamente o que você está sentindo mesmo sem você falar.

Se você quer aprimorar a comunicação com o seu cãozinho, você pode melhorar sua própria linguagem corporal. Por exemplo, agachar-se com os braços abertos é um sinal de boas-vindas, enquanto se elevar sobre ele e encarar é um sinal de ameaça.

Como seu filhote aprende

YSeu filhote aprenderá muito rapidamente, então é importante que ele aprenda como se comportar de maneira correta desde o começo.

Os cães aprendem por associação, por isso, se o seu filhote fizer algo de bom, recompense-o. Então é muito mais provável que a ação seja repetida. Mas a recompensa deve estar ligada à ação, portanto ele deve ser recompensado rapidamente, dentro de um segundo ou dois. A recompensa em si pode ser alguns grãos de ração para filhotes ou elogio, ou ambos.

Seu filhote precisa ser ensinado o que ele pode e não pode fazer. Alguns comportamentos inofensivos podem ser ignorados, mas os potencialmente perigosos precisam ser tratados de imediato, interrompendo o comportamento com um “não” agudo para chamar sua atenção - recompense-o quando ele parar e prestar atenção em você. Gritar ou bater não ajudará o seu filhote a aprender..

Entendendo latidos e ganidos

Latido

Latir é um aspecto totalmente natural do comportamento de um cão, mas você, sua família e seus vizinhos ficarão mais felizes se você puder controlá-lo.

Não é de surpreender que muitas pessoas tenham problemas com seus cães, já que a maioria dos cães não tem a menor ideia se latir é algo bom ou ruim. Isso porque nossa reação aos seus latidos é confusa para o cão. Aos seus olhos, quando ele late, às vezes é ignorado, ao passo que em outras vezes gritam com ele para parar e então, novamente, ele pode ser encorajado a latir se, por exemplo, houver um estranho suspeito por perto.

Para ajudar seu cão a saber quando latir é aceitável, você simplesmente precisa ensiná-lo que ele pode latir até que o mandem para parar. “Pare de latir” deve ser considerado como um comando de obediência, em vez de uma conversa.

Comece o adestramento deixando seu cão latir duas ou três vezes, elogie-o por soar o alarme, depois diga “Pare de latir” e segure um petisco na frente dele. Seu cão vai parar imediatamente apenas porque ele não consegue cheirar o petisco enquanto está latindo. Depois de alguns segundos de silêncio, dê-lhe a recompensa. Aumente gradualmente o tempo de quando o latido parar para dar a recompensa.

Se você está preocupado com o latido excessivo do qual você não tem controle, você deve procurar aconselhamento do seu veterinário sobre os próximos passos, como adestramento especializado ou terapia.

Ganido

Se você consolar seu filhote sempre que ele ganir, na verdade isso pode piorar as coisas. Vai fazer o seu filhote pensar que ele está sendo elogiado por choramingar e levá-lo ao hábito de repeti-lo para ter seu carinho.

Você pode ajudar seu filhote a aprender a parar de ganir, não dando atenção a ele quando ele choraminga. Ao ignorar o seu filhote, e apenas dar-lhe atenção e elogios quando ele para de ganir, ele vai aprender que ganir e choramingar não é o caminho para ganhar sua aprovação.

Artigos Relacionados