Doença Hepática no Seu Gato: Causas, Sinais e Sintomas

Published by
minuto ler

O que é doença hepática?

O fígado é um órgão importante com várias funções, incluindo a digestão e conversão de nutrientes, a remoção de substâncias tóxicas do sangue e o armazenamento de vitaminas e minerais. Como o fígado trabalha para livrar o organismo de várias substâncias diferentes, ele está suscetível a danos de várias fontes diferentes. A doença hepática resulta em inflamação, conhecida como hepatite. Se não tratada, poderá levar à perda de função já que as células do fígado saudável são substituídas por cicatrizes. Doenças em qualquer outra parte do corpo pode também afetar a função do fígado.

Felizmente, a doença hepática pode ser tratada com eficiência e com progressão limitada. Muitos gatos conseguem viver felizes por muitos anos após o diagnóstico. Nutrição adequada e diálogo contínuo com seu veterinário são a chave para tratar o distúrbio no fígado do seu gato.

O que causa a doença hepática?

Fatores que aumentam a probabilidade do seu gato desenvolver doença hepática incluem:

Idade: Diversas doenças, incluindo a disfunção hepática, são comuns em gatos geriátricos.

Raça: Algumas raças, como os gatos Siameses, são mais propensos a nascer com problemas hepáticos ou a desenvolvê-los.

Obesidade: Gatos que estão acima do peso em excesso estão mais propensos a desenvolver doença hepática.

Medicações e agentes químicos: Medicações contendo acetaminofeno podem lesionar o fígado dos gatos.

O meu gato tem doença hepática?

Os sinais de doença hepática podem ser bastante semelhantes àqueles de outras condições. Caso note algum dos sinais a seguir em seu gato, contate o seu veterinário para um exame completo.

Sintomas a se atentar incluem:

  • Diminuição do apetite
  • Perda de peso repentina
  • Perda de peso
  • Icterícia (amarelamento das gengivas, brancos dos olhos ou pele)
  • Aumento de sede
  • Vômitos ou diarreia
  • Alterações de comportamento
  • Hiper salivação excessiva
  • Falta de energia ou depressão

Outros possíveis sinais de distúrbios hepáticos incluem urina de coloração escura, gengivas brancas ou acúmulo de líquidos no abdômen que podem ser confundidos com ganho de peso repentino. O seu veterinário poderá realizar outros exames para diagnosticar a doença hepática.

Common signs of liver disease

IMPORTANTE: Os sinais de doença hepática não são muito específicos, dificultando seu reconhecimento. Se gatos obesos pararem de comer, poderá haver complicações fatais. Os gatos que perdem o apetite por dois a três dias poderão apresentar lipidose hepática felina, uma condição associada a um acúmulo perigoso de gordura no fígado que impede seu funcionamento adequado. Se o seu gato não estiver comendo, consulte o seu veterinário imediatamente.

A importância da nutrição

Se o seu gato for diagnosticado, você poderá se perguntar o que fazer para cuidar do seu gato com doença hepática. O tratamento de qualquer doença hepática visa descansar o fígado e minimizar as funções relacionadas ao metabolismo de gorduras, proteínas, carboidratos e medicamentos. Quando o seu gato tem doença hepática, torna-se ainda mais importante alimentar com a ração certa. Alimente o seu gato com carboidratos facilmente digeríveis, com gorduras de alta qualidade e quantidades limitadas de sódio para controlar a lesão contínua do fígado e melhorar a função hepática.

Para um diagnóstico preciso e opções de tratamento, sempre consulte o seu veterinário e peça para que recomende o melhor alimento para a saúde do fígado do seu gato.

Pergunte ao Seu Veterinário Sobre Doença Hepática:

  1. Existem alimentos que eu deveria evitar dar ao meu gato devido à sua condição?
    • Pergunte como alimentos humanos podem afetar a saúde do seu gato.
  2. Você recomendaria a ração Prescription Diet® da Hill’s® para a saúde do fígado do meu gato?
    • Pergunte sobre questões nutricionais especiais para o seu gato
    • Quanto / com qual frequência você deve alimentar a ração recomendada ao seu gato
    • Discuta sobre quais petiscos você pode alimentar o seu gato juntamente com a ração recomendada
  3. O quanto devo esperar para notar sinais de melhora na condição do meu gato?
  4. Você pode me fornecer instruções escritas ou um folheto sobre doença hepática para o meu gato?
  5. Qual é a melhor maneira (e-mail/telefone) de contatar você ou seu hospital caso tenha dúvidas?
    • Pergunte se você precisa de uma visita de acompanhamento.
    • Pergunte se será enviado um lembrete por e-mail ou notificação.

Artigos Relacionados

Produtos Relacionados