A Importância de Beber Água para o Seu Gato

Published by
minuto ler
Orange tabby sitting behind tan couch next to lilac plant

Assim como os humanos, aproximadamente dois terços do organismo de um gato são compostos de água. Os gatos precisam de uma quantidade saudável de água para sobrevier e manter a saúde. 

Desidratação

Como os gatos conseguem concentrar a urina, eles conseguem sobrevier com quantidades menores de água do que outros animais. Além disso, eles possuem baixo estímulo de sede, o que significa que eles não precisam beber água com tanta frequência. Talvez você não saiba que seu gato está desidratado até ele desenvolver um problema. A desidratação pode levar a problemas de bexiga e doenças urinárias nos gatos, incluindo doença renal e doença do trato urinário inferior felina. Outras condições comuns decorrentes da desidratação são inflamação da bexiga (cistite), tumores, ruptura de bexiga e pedras. Pedras na bexiga podem levar a bloqueio uretral com risco de morte, especialmente nos machos.

Há diversas formas de saber se seu gato está desidratado. Um dos melhores testes é pinçar a pele do seu gato e puxar cuidadosamente para cima. Se a pele não voltar à sua posição normal rapidamente, ele provavelmente está desidratado. Fique também atento quanto a sinais de ofegação, depressão, falta de apetite, olhos fundos, boca seca, aumento da letargia e aumento da frequência cardíaca.

Estimule o seu gato a beber água

A quantidade de água que seu gato precisa beber varia dependendo do seu tamanho, nível de atividade, saúde e dieta, mas varia de 142 a 285 gramas por dia. Se você tem dificuldades para fazer o seu gato beber água, há várias maneiras para estimulá-lo.

O local é essencial. Coloque algumas tigelas com água pela casa, em áreas com pouca movimentação de pessoas. Tigelas com água não devem ser colocadas perto de sua caixa de areia. Isso poderá deixar o gato desconfortável e fazer com que ele pare de beber, comer e usar a caixa de areia. Pode ser que ele nem mesmo goste de ter tigelas com água e comida próximas uma da outra.

Os gatos são muito peculiares quanto a beber água. O seu gato pode gostar de beber água gelada, por isso, coloque algumas pedras de gelo na tigela. Por outro lado, pode ser que ele nem goste de sua tigela. Se ele tem o hábito de derrubá-la, mude para uma maior com base emborrachada. Pode ser que ele não gosta do sabor da água também, por isso, caso sua tigela seja de plástico, seria uma boa ideia trocar para uma de metal, cerâmica ou vidro. Você deve também trocar a água do seu gato diariamente em um esforço para evitar que a água fique envelhecida.

Os gatos mais manhosos nem sequer usarão uma tigela, preferindo beber direto da torneira. Em ambiente selvagem, os gatos geralmente beberão água corrente, já que aprenderam que isso os previne de ficarem doentes. Por isso, se você observar que ele está derrubando a tigela e bebendo água conforme ela escorre pelo chão, ele provavelmente não está fazendo isso para magoar você, mas por se sentir mais confortável em beber água corrente. Há várias maneiras para dar água corrente ao seu gato sem precisar limpar a bagunça de uma tigela de água virada. Considere bebedouros com sensor para gatos que circulam água constantemente ou deixe que ele beba da torneira da banheira - lembre-se sempre de manter a água a uma temperatura fria.

Você pode ainda adicionar mais umidade à dieta do seu gato. Rações enlatadas possuem um teor muito mais elevado de umidade do que a ração seca. Recomendamos a Ração para Gatos Science Diet® para uma enorme variedade de rações enlatadas deliciosas que agradam o paladar do seu gato. Se ele preferir ração seca, você pode adicionar água nos grãos da ração. Se você adicionar uma pequena quantidade de água gradualmente em suas refeições, ele estará mais inclinado a se acostumar com a textura. Uma combinação de ração seca e ração úmida também é uma opção.

Seja qual for o método que você escolher, é importante estimular seu gato a beber água. Embora muitos possam achar que leite é um bom substituto, isso não passa de um mito, podendo até mesmo causar problemas digestivos no seu gato. Fazer o seu gato beber água é tão importante quanto alimentá-lo com uma nutrição adequada. Caso acredite que seu gato possa estar desidratado, fale com seu veterinário.

Artigos Relacionados

Produtos Relacionados