Informações Sobre a Raça e Características da Personalidade do Cavalier King Charles Spaniel

Ideal para a família ou "ninho vazio," o Cavalier King Charles spaniel é afetuoso, e inteligente com uma devoção cativante. O spaniel é soberbo com crianças e uma companhia agradável.

Cavalier King Charles Spaniel Num piscar de olhos
The Cavalier King Charles Spaniel Dog Breed

O Cavalier King Charles spaniel foi criado para esquentar colos nos castelos frios ou passeios gelados de carruagem.

Tamanho:

Faixa de Peso:

Macho: 5,90-8,16 kg  

Fêmea: 4,54-8,16 kg 

Altura na Cernelha:

Macho: 33 cm

Fêmea: 30,48 cm

Características:

Dorso longo, orelhas caídas (naturalmente)

Expectativas:

Necessidade de Exercícios: <20 minutos/dia

Nível de Energia: Médio

Faixa de Longevidade: 9-14 anos

Tendência a Babar: Baixa Tendência a Roncar: Baixa

Tendência a Latir: Baixa

Tendência a Cavar: Baixa Necessidade Social/de Atenção: Alta

Criado Para:

Espantar aves pequenas, companhia

 

Pelagem:

Comprimento: Médio

Características: Liso

Cores: Vermelho; vermelho e branco; preto e castanho; tricolor 

Cuidados com a Higiene: Alto

Reconhecimento do Clube:

Classificação do AKC: Toy

Classificação do UKC: Cão de Companhia

Prevalência: Comum

A aparência geral do Cavalier King Charles spaniel é sofisticada, mas ainda assim charmosamente fofa.

Seu tamanho diminuto tem 12 a 33,02 centímetros de altura na cernelha e 13 a 8,16 quilogramas (6 a 8 quilogramas). Está entre as maiores raças toy. A face do Cavalier é distintiva por sua expressão doce e gentil em grande parte devido aos seus olhos grandes, redondos, castanho escuros, bem separados. O crânio é um pouco arredondado, e o focinho cheio, mas um pouco afunilado. As orelhas longas e franjadas, inseridas altas e separadas no crânio, ligeiramente avançadas para a frente para emoldurar a face quando o cão está alerta.

O pescoço é relativamente longo e inserido acima de ombros inclinados. O peito é moderadamente profundo e o corpo é compacto. A cauda é portada alegremente quando está em movimento.

A pelagem é longa, sedosa e macia, e vem em quatro combinações de cor: vermelho e branco com uma máscara parcial e orelhas vermelhas e manchas vermelhas no corpo branco; tricolor (preto e branco com pontos castanhos); rubi (vermelho sólido); e preto e castanho.

Personalidade:

O Cavalier King Charles spaniel é um cão encantadoramente afetuoso, brincalhão e inteligente que ansiosamente faz as vontades de seus donos com devoção cativante. Timidez e agressão, felizmente, não fazem parte do rol comportamental desta raça. Esses cãezinhos felizes são excelentes com crianças, e seu desejo de interagir com seus donos faz deles companhias agradáveis dentro de casa.

Morando Com:

O Cavalier King Charles spaniel é fácil de manter. Ideal como um cão de família ou como companheiro para o "ninho vazio," o Cavalier adora se aconchegar e foi descrito como o cão de colo perfeito. Embora esses cães tenham propensão para saudações barulhentas, Cavaliers geralmente não são protetores. Cuidados regulares com a higiene são essenciais para manter a pelagem do Cavalier lustrosa. Pouco mais que uma escovação semanal minuciosa é necessário, além de banho de rotina e tosa profissional conforme desejado. Pouca queda de pelo, que ocorre na primavera e outono, geralmente passa quase despercebida. Essa raça tem predisposição a Doença Valvar Degenerativa Crônica, conhecida também como Endocardiose.

História:

O Cavalier King Charles spaniel descende de um pequeno toy spaniel mostrado em muitas pinturas dos séculos XVI, XVII e XVIII do norte da Europa. Esse cão foi desenvolvido inicialmente para esquentar colos nos castelos e passeios de carruagens gelados. Uma receita escrita em inglês arcaico para a Rainha da Inglaterra a instrui a manter este "cão de conforto" no colo para tratar um resfriado. A outra função do Cavalier era atrair pulgas e, assim, livrar seus mestres da peste bubônica transmitida por pulgas.

Na era de Tudor, toy spaniels eram comuns como animais de estimação das senhoras e, durante os Stuarts, receberam o título real de King Charles spaniel. O Rei Carlos II raramente era visto sem dois ou três Cavaliers em volta dele, e redigiu um decreto — em vigor ainda hoje — que seu homônimo spaniel deveria ser aceito em qualquer lugar público, incluindo o Parlamento, que não costumava aceitar a entrada de animais.

Inicialmente, os padrões da raça não eram reconhecidos, embora toy spaniels geralmente tivessem cabeça plana, focinho pontudo e orelhas de inserção alta. Até meados de século XIX, os Ingleses pensaram em um novo look para o toy spaniel e padronizaram sua aparência. Esses King Charles spaniels modernos, também conhecidos como "Charlies," tinham faces mais achatadas, mandíbula em prognatismo inferior e crânio abobadado. No início dos anos 1900 os criadores tentaram recriar a versão anterior da raça; foram muito bem sucedidos e assin nasceu o Cavalier King Charles spaniel. A criação do Cavalier King Charles spaniel nos Estados Unidos ocorreu de maneira limitada nos anos 1950, mas a raça não foi totalmente reconhecida pelo American Kennel Club até 1996.

Artigos Relacionados