Problemas Urinários e Cálculos na Bexiga em Cães

Published by
minuto ler

O que é Urolitíase?

A urolitíase é uma doença do trato urinário na qual cristais ou cálculos se formam no trato urinário e causam irritação, dor e possivelmente obstrução.

O que são cálculos na bexiga urinária?

Cálculos na bexiga urinária (também conhecidos como urolitos) são coleções de cristais minerais que se combinam para formar um cálculo na bexiga urinária. Menos frequentemente, os cálculos podem se formar nos rins. O pH da urina do seu cão afeta o desenvolvimento dos cristais que ocasionam cálculos na bexiga. O tipo mais comum de cálculo/cristal é o estruvita, e estes tendem a se formar na urina alcalina. Outros tipos se desenvolvem em urina mais ácida.

O que causa cálculos na bexiga urinária?

Embora não haja uma causa única de urolitíase ou doença do trato urinário, os veterinários reconhecem que há componentes que podem contribuir para a prevalência da doença. Os fatores que aumentam a probabilidade do cão desenvolver um problema incluem:

Idade: Cães entre 2 e 10 anos são mais suscetíveis.

Sexo: Tanto os machos como as fêmeas contraem a doença com igual frequência, mas os machos têm um maior risco de obstrução uretral com risco de vida por cristais ou cálculos.

Infecção: Infecção bacteriana da bexiga, causando urina alcalina, é a principal causa da formação de cristais de estruvita.

Ração: Você já sabe que a ração que você oferece ao seu cão é extremamente importante para mantê-lo saudável. Mas alimentá-lo com o tipo errado de ração pode causar urolitíase. Altos níveis de determinados minerais na ração para cães podem aumentar a chance de formação de cristais na urina. O magnésio e o fosfato são componentes minerais do tipo de cristal de estruvita mais comum. Não forneça uma ração para cães com quantidades excessivas desses minerais. A ração que seu cão come também influencia a acidez da urina (pH). Isso pode incentivar a formação de certos cálculos, por isso é importante fornecer uma ração para cães que dê suporte à saúde da bexiga.

Baixo consumo de água: Não ingerir água suficiente ocasiona em urina mais concentrada, o que pode aumentar a probabilidade de formação de cálculos.

Pré-disposição da raça: Cães de raças pequenas são mais suscetíveis do que cães de raças grandes. Além disso, certas raças de cães, como schnauzers miniatura, dálmatas, yorkshire terriers e buldogues, são mais propensas a desenvolver cálculos na bexiga urinária.

Outros fatores de contribuição podem ser falta de exercício, incapacidade de urinar frequentemente (típico em um cão confinado em ambiente fechado) ou redução do consumo de água.

Meu cão tem um problema urinário ou cálculos na bexiga?

Se o seu cão tiver problemas urinários, ele pode ficar muito desconfortável. É importante entrar em contato com seu veterinário imediatamente para um exame completo caso você note qualquer um dos seguintes sinais comuns abaixo.

  • Esforço ao urinar
  • Sangue na urina
  • Lamber a área genital
  • Incontinência ou incapacidade de controlar a micção
  • Fluxo de urina reduzido
  • Tentativas frequentes de urinar
  • Apetite reduzido
  • Falta de energia ou interesse em atividades normais
Common signs

IMPORTANTE: Se o seu cão não está urinando livremente, um bloqueio urinário pode ser a causa. Consulte o seu veterinário imediatamente, pois esta condição pode ser fatal.

Tratamento: A importância da nutrição

A ração que seu cão come desempenha um papel importante em sua saúde e bem-estar geral. A nutrição equilibrada é uma parte essencial de um estilo de vida ativo e saudável. Quando seu cão tem cálculos na bexiga, é ainda mais importante alimentá-lo com a ração correta. Rações ricas em magnésio, fósforo, proteína e cálcio têm sido associados à formação de cálculos. Veterinários acreditam que alimentar seu cão com rações com quantidades restritas desses minerais pode ajudar na dissolução de alguns tipos de cálculos que se formaram em seu trato urinário. Para diagnósticos precisos e opções de tratamento, consulte sempre o seu veterinário e peça que recomende a melhor ração para a saúde do trato urinário do seu cão.

E lembre-se, qualquer cão que tenha sido tratado de doença do trato urinário corre o risco de contrair de novo. Portanto, é importante continuar com o controle nutricional da doença e observar atentamente os sintomas recorrentes.

Perguntas sobre Saúde Urinária para Fazer ao Seu Veterinário

  1. O que pode estar causando os acidentes do meu cão? Quais são as opções de tratamento a curto e longo prazo? 
    •  Certifique-se de perguntar se acidentes infrequentes ou não padronizados podem ser um sinal de um problema mais sério.
    • Pergunte se o problema é comportamental, ambiental ou médico.
    • Pergunte como a nutrição e o consumo de água podem estar afetando a saúde do seu cão.
  2. A nutrição deve fazer parte do regime de tratamento do meu cão? Você recomendaria uma ração para cães Prescription Diet® para a saúde da bexiga do meu cão?
    •  E se eu tiver vários cães? Posso alimentá-los com a mesma ração?
    • Como a nutrição pode ajudar? Qual é o benefício de se alimentar com nutrição terapêutica como parte do tratamento que pode incluir a administração de comprimidos?
    • Quais são os prós e contras de usar a nutrição para ajudar a controlar a saúde urinária do meu cão?
  3. Qual forma de ração para cães é melhor para problemas urinários, ração seca ou úmida? Por quê? 
    •  Se você alimenta o seu cão com uma mistura de ração seca e úmida, pergunte quais fórmulas terapêuticas podem ser misturadas.
  4. Por quanto tempo eu precisarei alimentar meu cão com a ração recomendada? 
    •  Pergunte como fornecer uma ração terapêutica pode ajudar a promover a saúde urinária a longo prazo para o meu cão?
  5. Qual é a melhor maneira (e-mail/telefone) de entrar em contato com você ou com o seu hospital se tiver dúvidas
    •  Pergunte se você precisa de uma consulta de acompanhamento.
    • Pergunte se um e-mail de lembrete ou aviso será enviado.

Artigos Relacionados

Produtos Relacionados