Informações Sobre a Raça e Características da Personalidade do Lhasa Apso

 

Considerados "fáceis de cuidar," afetuosos e um bom companheiro, o Lhasa Apso foi criado como cão de guarda e portanto pode ser indiferente, teimoso e demonstrar um latido agudo e alto.

 

Lhasa Apso Num piscar de olhos
The Lhasa Apso Dog Breed

Os Lhasa Apsos são cães longevos, rotineiramente into até o fim da adolescência. O detentor do record é um campeão da raça que viveu até os 29 anos de idade.

Tamanho:

Faixa de Peso:

Macho: 5,90-6,80 kg 

Fêmea: 5,90-6,80 kg

Altura na Cernelha:

Macho: 27,94 cm

Fêmea: 22,86 cm

Características:

Dorso longo, orelhas caídas (naturalmente).

Expectativas:

Necessidade de Exercícios: 20 minutos/dia.

Nível de Energia: Médio.

Faixa de Longevidade: 12-14 anos

Tendência a Babar: Baixa. Tendência a Roncar: Baixa.

Tendência a Latir: Alta.

Tendência a Cavar: Baixa. Necessidade Social/de Atenção: Moderada.

Criado Para:

Guardar dentro de casa, companhia.

 

Pelagem:

Comprimento: Longo

Características: Liso

Cores: Todas as cores são aceitas

Cuidados com a Higiene: Alto

Reconhecimento do Clube:

Classificação do AKC: Não esportista

Classificação do UKC: Cão de Companhia

Prevalência: Comum

Lhasa Apsos são cães bem pequenos, variando em altura de 9 a 27,94 centímetros e pesam de seis a oito quilogramas.

Eles são mais compridos do que altos com a cauda portada enrolada sobre o dorso e a cabeça erguida orgulhosamente. Quando esses cães estão em pelagem de exibição completa, as duas extremidades podem parecer a mesma!

A cabeça parece redonda com todos os pelos e as orelhas pendendo em camadas graciosas de pelo longo. A pelagem é uma das características distinguíveis do Lhasa Apso—longa e fluida, pesada e densa. Na face, os olhos podem ser escondidos por uma longa queda de pelos e há também uma longa barba. O focinho é um pouco encurtado, levando a prognatismo inferior.

Praticamente todas as cores são aceitáveis, mas as mais populares são os tons leoninos de trigo, mel ou dourado com preto nas pontas das orelhas, cauda e pelos da barba. Preto, grisalho, ardósia, branco e mesmo parti-cores podem ser vistos.

Personalidade:

Deve-se lembrar o tempo todo que o Lhasa Apso foi criado como cão de guarda e como cão de companhia. Esses cães podem ser indiferentes com estranhos, embora sejam afetuosos com as pessoas que eles conhecem e confiam. O latido agudo de alarme pode se tornar um incômodo se o cão não é orientado sobre quando é apropriado latir.

Lhasa Apsos são cães que se saem melhor com uma quantidade boa de socialização e bastante companhia humana. Eles nem sempre são bons com outros cães, então devem ser socializados com cães e outros animais de estimação bem como com pessoas desde a infância. Alguns Lhasa Apsos são de natureza suspeita e podem ser arrogantes. Em casa com a família e amigos, contudo, eles são vivazes e podem ser quase tolos.

Morando Com:

Lhasa Apsos são "fáceis de cuidar;" excesso de petiscos ou pouco exercício podem facilmente causar obesidade. Por sorte por causa de seu tamanho, uma caminhada regular duas ou três vezes por dia é adequado. Lhasa Apsos são cães inteligentes, mas são um pouco teimosos e independentes, então treinamento é imprescindível. Uma mão firme mas paciente funciona melhor.

Lhasa Apsos devem ser bem socializados com pessoas e outros animais, incluindo outros cães, na infância. São excelentes cães de guarda com um latido agudo de alarme. Lhasa Apsos podem se dar bem com crianças, mas devem ser supervisionados e expostos a elas desde cedo. São cães que vivem notoriamente bastante, rotineiramente indo até o fim da adolescência. O detentor do record é um campeão da raça que viveu até os 29 anos de idade!

História:

O Lhasa Apso é uma raça antiga, desenvolvida no Tibete a partir do Terrier tibetano e cães Tibetanos semelhantes do tipo pastores. A conversão do Tibete ao Budismo no século VII DC estabeleceu o Lhasa Apso como uma raça definitiva. Dizem que Buda tinha poderes sobre os leões, e o Lhasa Apso com sua pelagem cheia, cabeça cheia de pelos e cores leoninas era chamado de "o cão leão."

Lamas (padres tibetanos) têm a reputação de reencarnarem como Lhasa Apsos se não alcançarem o Nirvana. O Dalai Lamas não apenas mantinha Lhasa Apsos como animais de estimação, mas também os usada como presentes para convidados honrados. Lhasa Apsos enviados para a China foram usados no desenvolvimento das raças Shih Tzu e Pequinês. Lhasa Apsos não apenas serviram como animais de estimação e companhia, mas também como cães de guarda por causa de sua natureza alerta e latido agudo.

Quando o Lhasa Apso chegou pela primeira vez à Europa e América do Norte, confusão resultou no entrecruzamento com o Shih Tzu e possivelmente o Terrier tibetano. Em 1930 contudo, as raças foram separada e padrões de distinção redigidos.

O cuidado com a higiene pode levar tempo se você mantém um Lhasa Apso em pelagem completa de exibição. Escovação cuidadosa é necessária para remover fragmentos e evitar a formação de nós. Muitos donos de Lhasa Apso tosam seu animal de estimação rente duas vezes por ano para facilitar o cuidado. Lhasa Apsos não têm boa aparência tosados, e correm freneticamente como se estivessem livres do peso do pelo após a escovação!

Artigos Relacionados