Compreendendo as gatas no cio

Se sua gata já passou por um cio, você jamais se esquecerá dos berros e da constante demanda por atenção. Caso ela seja impedida de copular, o cio será algo frustrante e desconfortável para vocês dois. Se ela, por outro lado, tiver a chance de cruzar, você precisa estar preparado para a possibilidade de ter duas ninhadas por ano em casa! A não ser que você esteja planejando se transformar em um criador de gatos, a castração é o melhor cuidado que você pode adotar. Será mais fácil pra você e para a sua gata.

Cat ImageQuando sua gata está no cio, isto significa que ela está no período fértil de seu ciclo reprodutivo e portanto procura se acasalar. As gatas geralmente entram no cio na primavera e no outono, e o cio pode durar desde alguns poucos dias até semanas. O primeiro cio de uma gata geralmente ocorre por volta do sexto mês de vida, mas algumas podem ter o primeiro cio aos quatro meses de idade.

Durante o cio, sua gata pode se apresentar mais carinhosa, esfregando-se contra paredes, mobília e em suas pessoas preferidas. Ela provavelmente esfregará os posteriores e pode, com frequência, adotar a postura de acasalamento, apresentando a traseira com a cauda elevada. Os elementos mais problemáticos do cio para um proprietário são a vocalização excessiva e a demarcação do território com urina. Gatas no cio miam alto e constantemente para tentar atrair o macho para o acasalamento. Elas também podem borrifar os móveis com uma urina de odor forte no intuito de indicar sua disponibilidade para o macho. Se seu gato for confinado a ambientes internos, ele poderá tentar sair desesperadamente, a ponto de atacar janelas ou portas.

Embora seu veterinário possa prescrever medicamentos para atenuar os sinais do cio, a castração ainda é a melhor forma de evitá-lo. Após a castração, sua gata parará de entrar no cio, ficará muito menos territorialista e menos propensa a demarcar sua casa com as garras ou urina.

Artigos Relacionados

  • Nascido para se limpar | Hill's Pet

    Seu gato não só sabe como se limpar como também foi feito para isto. A higiene é uma característica marcante da maioria dos gatos. Nós até podemos lhes dar uma ajudinha de tempos em tempos, mas os gatos, sozinhos, fazem um excelente trabalho.
  • Entendendo o miado de seu gato | Hill's Pet

    O miado de um gato não é simplesmente um som emitido por um gato. É na verdade um método surpreendentemente sofisticado de comunicação. Os hábitos de vocalização e a voz dos gatos são tão individuais quanto a voz de uma pessoa.
  • Sinais de boa saúde | Hill's Pet

    Quando você levar seu animal ao veterinário, apresente todas as suas dúvidas e preocupações com relação à saúde do gato. Para ajudá-lo a determinar as alterações sobre as quais você precisa conversar com seu veterinário, verifique os tópicos a seguir.
  • Seu gato provavelmente é mais esperto do que você pensa | Hill's Pet

    Você pode dizer que os gatos são espertos simplesmente observando-os por alguns minutos. Eles aprendem rapidamente e contam com milhares de anos de evolução por trás de suas habilidades de observar e tomar decisões inteligentes baseadas em suas percepções.
  • A anatomia especializada de seu gato | Hill's Pet

    Compreender o funcionamento do organismo de seu gato é essencial para lhe oferecer o melhor tratamento. Dedique um minuto para examinar seu animal da cabeça à cauda e descobrir como funciona seu corpo.
  • Quando seu gato pega camundongos | Hill's Pet

    Os gatos adoram caçar camundongos. Como predadores naturais, eles são muito bons nisso. Seu gato não caça por estar com fome — ele já é muito bem alimentado com o alimento para gatos da Science Diet™ para isso! Na verdade, esse comportamento predatório faz parte de seu instinto natural.